Translate

segunda-feira, 31 de julho de 2017

Hino de batalha


Hino de batalha, 31 de Julho


Aconselhou-se com o povo e ordenou cantores para o Senhor, que, vestidos de ornamentos sagrados e marchando à frente do exército, louvassem a Deus, dizendo: Rendei graças ao Senhor, porque a Sua misericórdia dura para sempre. 2 Crônicas 20:21.

Era uma maneira singular de ir à batalha contra o exército do inimigo — louvando ao Senhor com cânticos, e exaltando o Deus de Israel. Este era seu hino de batalha. Eles possuíam a beleza da santidade. Se mais louvores de Deus tivessem lugar agora, esperança e coragem e fé aumentariam constantemente. E isto não fortaleceria as mãos dos valentes soldados que hoje estão firmes em defesa da verdade? — Profetas e Reis, 202.

Eles louvavam a Deus pela vitória, e quatro dias depois o exército voltava a Jerusalém, carregado de despojos dos inimigos, cantando louvores pela vitória obtida. — The Review and Herald, 5 de Maio de 1910.

Quando tivermos mais profunda apreciação pela misericórdia e benignidade de Deus, louvá-Lo-emos, em vez de queixar-nos. Falaremos da amorável vigilância do Senhor, da terna compaixão do Bom Pastor. A linguagem do coração não será de murmuração egoísta e descontentamento. Qual límpida e abundante corrente, brotará o louvor dos verdadeiros crentes. ...

Por que não estimular a voz do cântico espiritual nos dias de nossa peregrinação? ... Precisamos estudar a Palavra de Deus, meditar e orar. Teremos então visão espiritual para discernir os átrios internos do templo celestial. Aprenderemos as notas das ações de graças entoadas pelo coro celestial ao redor do trono. Quando Sião se levantar e resplandecer, sua luz será mais penetrante, hinos de louvor e ações de graças se ouvirão na assembléia dos santos. Perder-se-ão de vista as pequenas decepções e dificuldades.

O Senhor é nosso ajudador. ... Ninguém jamais confiou em Deus em vão. Ele nunca decepciona os que nEle põem sua confiança. Se tão-somente fizermos a obra que o Senhor deseja que façamos, andando nos passos de Jesus, nosso coração se tornará qual harpa sagrada, emitindo cada uma das cordas louvor e ações de graça Àquele enviado por Deus para tirar o pecado do mundo. — The Review and Herald, 5 de Maio de 1910.


Este texto vem do livro devocional Vidas que Falam pelo Ellen G. White.
Para ver mais de seus livros, visite egwwritings.org
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis