Translate

segunda-feira, 23 de junho de 2014

Lamentações 1

Lições de Vida
Leia na Bíblia- Lamentações 1
“Lamentações”
Comentários do Pr. Heber Toth Armí

Hoje, no projeto mundial chamado de Reavivados por Sua Palavra, começa uma reflexão de cada um dos cinco capítulos do inspirado livro de Lamentações. Pergunto: Como ser reavivado espiritualmente com um livro que até o nome é Lamentações? Sugiro um tema para os próximos dias: Cinco dias para reavivar-se com o Livro de Lamentações! 

O primeiro capítulo trata:

1. Da terrível destruição e desgraça de Jerusalém e seus habitantes (vs. 1-11);
2. Do angustiante clamor do povo pecador diante de terrível dor (vs. 12-17);
3. Da confissão dos habitantes de Jerusalém de ter se rebelado contra Deus e Sua Palavra (vs. 18-19);
4. Da oração do povo que clama por retribuição a quem causou toda aquela devastação, mas reconhece que é fruto de suas próprias mãos (vs. 20-22).

Tão inspirado quanto qualquer dos outros 65 livros, tão Palavra de Deus como Gênesis, Mateus e Romanos, esse livro de cinco capítulos tem mensagens espirituais que devem moldar a caminhada de quem vive a salvação do pecado aguardando a libertação sobrenatural deste mundo. Através desta reflexão você é convidado a ser reavivado neste mundo de pecado.

Este livro foi escrito por Jeremias, diante da devastação de Jerusalém (Sião); concluído logo após o cerco de Jerusalém que resultou no exílio de Judá e antes de ser levado ao Egito (586-585 a.C.). Diante da terrível e desastrosa queda da bela cidade de Jerusalém, acarretando indescritível sofrimento àquele que deveria ser o povo de Deus, do coração angustiado do profeta, surge “Lamentações”. 

Leia agora o capítulo 1. Veja que o sofrimento do povo de Deus surgiu devido ao amor cativado pelo pecado. 

Diante disso, Charles R. Swindoll declara sobre Lamentações: “Temos aqui um lembrete silencioso de que pecado, apesar de todo o seu fascínio e emoção, traz consigo pesados fardos: tristeza, aflição, infelicidade, aridez e dor. É outro lado da moeda, o oposto de ‘comer, beber e se divertir’”. Veja que, “Jerusalém pecou gravemente; por isso se tornou repugnante; ... a sua imundícia está em suas fraldas... Estendeu o adversário a mão a todas as coisas mais estimadas dela” (vs. 8-9). 

Os versos de 1 a 11 dão detalhes do sofrimento do povo que preferiu o pecado antes que o arrependimento e o perdão que traz transformação. Os versos 12 a 22 revelam o desprezo com que Judá, o ingrato povo de Deus sofre, chora amargamente e, então ora por vingança contra Babilônia. Fuja do pecado antes que ele te escravize!

No processo de ser reavivado no livro bíblico de Lamentações, é necessário que se entenda que o pecado deve ser abandonado – Jesus veio ao mundo para tirar o pecado do mundo. Pois, de acordo com o primeiro capítulo de Lamentações, o

1. Pecado traz dor, sofrimento e humilhação;
2. Pecado não compensa porque resulta em destruição;
3. Pecado oprime, massacra, humilha;
4. Pecado isola, separa, envergonha;
5. Pecado escraviza, dói, aflige e mata.

Deus permite que experimentemos o pecado a fim de clamarmos a Ele em meio às consequências de tê-lO abandonado, esperando que confessemos nossos pecados e O busquemos imediatamente em fervorosa oração. 

Quero te convidar a orar aí onde você está: “Pai santo, cheio de amor e justiça, que castiga para restaurar; a Ti eu clamo em meio à dor que eu mesmo causei a mim, à minha família e às pessoas com quem convivo. Reconheço que preferi muitas vezes o pecado pensando que seria melhor que seguir a Tua vontade, mas aqui estou, sem nada, até sem o respeito das pessoas, sou desprezado, sofro calado; meu coração está angustiado, amargurado e ferido; minha alma está arruinada, desesperada. Mas em Ti encontro perdão que me dá conforto e esperança. Livra-me do pecado para que eu seja livre para Te servir todos os dias. Em nome de Jesus, amém”.

Imagens do Google – editado por Palavra Eficaz
Curta e compartilhe:


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis