Translate

terça-feira, 8 de maio de 2018

A Importância de Estrita Temperança


Refletindo a Cristo

A Importância de Estrita Temperança -8 de maio


Ditosa, tu, ó terra… cujos príncipes se sentam à mesa a seu tempo para refazerem as forças e não para bebedice. Ecl. 10:17.
A lição que nos advém da experiência destes jovens (hebreus) é algo que faríamos bem em considerar. Nosso perigo não provém da escassez, mas da abundância. Somos constantemente tentados ao excesso. Mas os que quiserem manter suas faculdades intactas para o serviço de Deus precisam observar estrita temperança no uso de todas as Suas bênçãos, bem como total abstinência de toda e qualquer condescendência prejudicial ou desprezível.
Hábitos físicos corretos promovem superioridade mental. Capacidade intelectual, força física, e longevidade dependem de leis imutáveis. Não há casualidade neste assunto. O Céu não interferirá a fim de preservar o homem das conseqüências da violação das leis da natureza. Há muita verdade no provérbio que diz que todo homem é o arquiteto de sua própria sorte. Embora os pais sejam responsáveis pelos traços de caráter, bem como pela educação e instrução que derem aos seus filhos e filhas, também é verdade que nossa condição e utilidade no mundo depende em grande medida de nosso próprio procedimento.
Que tanto os adultos como os jovens se lembrem de que para cada violação das leis da vida a natureza fará o seu protesto. A penalidade recairá tanto sobre as faculdades mentais como físicas. E não termina no indivíduo leviano e culpado. Os efeitos de sua má conduta são vistos na sua descendência, e assim os males hereditários são passados adiante, até a terceira e quarta geração. …
Estamos sofrendo por causa dos hábitos errôneos de nossos pais, mas apesar disso, quantos se comportam de maneira cada vez pior do que a deles! Todos os anos milhões de litros de bebidas intoxicantes são ingeridos, e milhões de dólares são gastos em fumo. Ópio, chá, café, fumo e bebidas intoxicantes estão rapidamente apagando a fagulha de vitalidade que ainda resta na humanidade.
O uso de bebidas intoxicantes destrói a razão e endurece o coração contra toda e qualquer influência pura e santa. …
Necessita-se agora de homens como Daniel – homens que tenham a abnegação e a coragem de ser radicais reformadores da temperança. Que todo cristão tome providências para que o seu exemplo e influência estejam do lado da reforma. Que os pastores sejam fiéis em instruir e advertir o povo. E que todos se lembrem de que nossa felicidade em dois mundos depende da correta melhoria de um deles. Signs of the Times, 11 de fevereiro de 1886.
Meditação Matinal de Ellen White – Refletindo a Cristo, 1986. – Pág. 134 – 

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis