Translate

domingo, 2 de outubro de 2016

Jó 13 – COMENTÁRIOS Pr. Heber Toth Armí

Jó 13 –
COMENTÁRIOS Pr. Heber Toth Armí


Tem muitas coisas que sabemos, mas Jó não sabia. A revelação é gradativa. A Bíblia demorou aproximadamente 1600 anos para ser concluída. O livro de Jó foi o primeiro a ser inspirado pelo Espírito Santo neste mundo pecaminoso. Contudo, é possível que nossa fé não seja tão sólida como a de Jó. Isso é lamentável!

O que sabemos (ou deveríamos saber) que Jó não sabia? Dentre tantas coisas, observe esta reflexão oriunda da pena de Rodolfo Gorski:

“Quando aceitamos a Cristo como Salvador, não recebemos nenhuma apólice de seguro de saúde e de proteção contra os resultados do pecado neste mundo. Por isso, todos os cristãos estão sujeitos aos acidentes, às doenças e até à morte. Todavia, é gratificante notificar que, ao aceitarmos a Cristo e nEle permanecermos, Deus nos concede a apólice de vida eterna, com todas as garantias. Essa apólice vem autenticada pelo sangue do próprio autor da vida, Jesus Cristo”.

Também temos a história de Jó que nos ensina preciosas lições espirituais para fortalecer a nossa fé que ele, obviamente, não tinha. Neste capítulo, Jó continua seu discurso, do qual temos:

• Ele falando com seus amigos. Indignado, em meio à dor e aos ataques ferinos da parte deles, Jó declarou que falaria com Deus; pois, não adiantava nada falar com eles, era pior ouvir suas palavras que seu silêncio (vs. 1-5). Assim como os amigos de Jó, na hora de ajudar um amigo na dor, muitos agem como charlatões, como médicos que dão receitas erradas, ou como advogados fraudulentos (vs. 6-12).

• Ele expressa esperança antes de dirigir-se diretamente a Deus. Mesmo sofrendo, Jó tem certeza da existência de Deus . Ele não tem medo de Deus, mas confiança. Em meio a mais terrível dor, Jó se rende ao Senhor antes de falar com Ele (vs. 13-19). É lamentável que, mesmo possuindo muito mais informações reveladas, nossa fé pode nem chegar perto da confiança de Jó em Deus.

• Ao orar a Deus, Jó Lhe faz dois pedidos (vs. 20-28):

1. Tira de mim as aflições.
2. Fala comigo para que eu possa responder.

Como Jó, em meio ao sofrimento precisamos aprender a fugir para Deus, não a fugir dEle. Por que afastar-se de Deus, se Ele é nossa única esperança? – Heber Toth Armí


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis