Translate

segunda-feira, 16 de novembro de 2015

Cuidado com as murmurações

Leitura Bíblica - Números 11

Cuidado com as murmurações
Comentários: Pr.  Heber Toth Armí

Reclamar parece bom no momento, entretanto, o resultado deve conduzir-nos a rejeitar a reclamação. Reclamação oriunda da insatisfação com as bênçãos divinas é afronta a Deus, resultando em destruição.

Este capítulo será dividido com base em três termos extraídos do texto:

1. TABERÁ significa ‘incêndio’: Logo no início da viagem à Terra da Promessa, o povo, ao invés de alegrar-se, “começou a murmurar da vida difícil”; consequentemente, a ira de Deus “se ascendeu. Então, irrompeu um fogo que queimou as extremidades do acampamento”. O incêndio cessou quando procuraram a Moisés e ele intercedeu perante Deus (vs. 1-3).

2. POPULACHO eram estrangeiros entre o povo de Deus: Estes estrangeiros eram incrédulos que influenciavam os crentes infantis. Eles começaram a reclamar de falta dos prazeres do Egito quando tinham a sua disposição comida do Céu gratuita. “Moisés ouviu a queixa, todas aquelas famílias reclamando à porta das tendas, e a ira do Senhor se ascendeu”. Reclamar de Deus significa rejeitá-lo! Ele atende a reclamação para demonstrar que ela resulta em maldição (vs. 4-29).

3. QUIBROTE-HAVAATÁ significa ‘túmulos da luxúria’: Assim que Deus enviou carne de codornizes aos montes para os pidões/reclamões/insatisfeitos, “mal tendo engolido o primeiro bocado, a ira do Eterno se acendeu contra o povo. Ele os feriou com uma praga terrível. Eles chamaram o lugar Quibrote-Hataavá (Túmulo dos desejos). Ali enterraram as pessoas que queriam comer muita carne” (vs. 30-34).

“Um estudo da concordância mostrará que nas Escrituras há mais referências à cólera, fúria e ira de Deus do que ao Seu amor e bondade” (Arthur W. Pinnk). (Leia a tese doutoral de Emilson dos Reis: “A ira de Deus: Um estudo teológico e proposta homilética”).

Aplicações: QUANDO...

• ...Deus faz o melhor pelo Seu povo e este almeja pelo pior, Deus pode atender a reclamação para que veja quão idiota é ignorar o que Ele faz.

• ...o líder espiritual é pressionado pelos insatisfeitos incrédulos que deveriam ser gratos pelas bênçãos, Deus alivia a carga e distribui suas responsabilidades.

• ...os desejos carnais estão acima da vontade divina o resultado sempre será negativo.

• ...a incredulidade domina o povo de Deus tendo a reclamação baseada nos desejos perversos, ligados à insatisfação, o fim será a sepultura.

É tempo de reavivar, não de reclamar! Sejamos agradecidos!




Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis