Translate

sexta-feira, 2 de outubro de 2015

A presença de Deus

Leitura Bíblica  - Êxodo 33

A presença de Deus
Comentários  Heber Toth Armí

Não podemos ver a Deus por causa de nossos pecados. Eles separam-nos de Deus. Mas quando amamos mais a Deus que o pecado, poderemos desfrutar de Sua presença e companhia em nossa caminhada cristã.

1. A presença de um anjo de Deus já seria suficiente para que Suas promessas se cumprissem, mas devemos desejar, buscar e clamar mesmo pela presença de Deus (vs. 1-4);

2. A dureza de coração, a rebeldia, a ingratidão, a idolatria, a imoralidade, irritam o coração de Deus, separam-nos dEle e perdemos Suas bênçãos, proteção e cuidado (vs. 3, 5);

3. Ao aproximarmos de Deus é necessário tirar todo pecado, até mesmo a sutil vaidade impregnada no coração externalizada nos atavios desnecessários, como: brincos, pulseiras, colares, correntinha, piercing, pinturas, etc. (vs. 6-11);

4. Precisamos aprender com Moisés a buscar ao Senhor não apenas para obter milagres, mas para obter orientação, para saber o quê fazer durante a caminhada cristã (vs. 12-14);

5. Nunca deveríamos dar sequer um passo sem a certeza da presença de Deus em nossa vida; em Sua presença encontramos descanso, segurança e orientação (vs. 14-17);

6. Quem ama a Deus sempre quer mais de Deus; Moisés não se contentou apenas em ter a presença de Deus, ele quis ver a Sua glória e foi atendido (vs. 18-23);

7. Quando mais nos aproximamos de Deus, mais nítido fica Seu caráter bondoso, misericordioso e compassivo que é perdoador e restaurador do pecador (v. 19), não vingativo, destrutivo ou autoritário.

“Algumas pessoas ficam satisfeitas com o perdão de Deus, que enfatizam os dons divinos. Outros progridem para um desejo pela presença dEle, que enfatizam a orientação de Deus. Tal como Moisés, dizem: ‘Se a tua presença não for comigo, eu não irei’. Mas existem outros, possivelmente poucos, que perseguem a mais alta intimidade, buscando um vislumbre da glória de Deus. Essas pessoas descobrem o verdadeiro propósito da oração” (Erwin W. Lutzer).

• A desgraça de nossa vida é passar mais tempo com qualquer coisa do que com Deus.
• A desgraça que enfrentamos é porque preferimos ao pecado antes que a Deus.
• A desgraça que atraímos é porque não buscamos a graça da presença divina.

Quanto mais buscamos a Deus, mais desejaremos Sua presença e obteremos a Sua glória! Reavivemo-nos – Heber Toth Armí



Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis