Translate

quarta-feira, 8 de outubro de 2014

Habacuque 2 Comentários Audrey Andersson


Habacuque 2
Audrey Andersson

No início do capítulo 2 Habacuque começa descrevendo a si mesmo como um vigilante em serviço que aguarda uma resposta de Deus ao seu desafio. Deus lhe responde no versículo 2 e diz que escreva Sua resposta de forma que todos a possam ler. Embora possa haver um atraso, os propósitos de Deus certamente se cumprirão.

O verso 4 contrasta os anseios perversos dos babilônios com os desejos dos justos de Judá: “O justo viverá pela sua fé” (ARA). Esta preciosa e vital declaração da teologia cristã ecoa muitas vezes no Novo Testamento (Rm 1:17, Gal 3:11, Hb 10:38-39). Ao abrir as cortinas e mostrar ao Seu povo como Ele está trabalhando nos bastidores, Deus convida o Seu povo a confiar nEle, a esperar com paciência e a viver pela fé.

Não importa o quanto o mal predomina sobre a terra, não importa o quanto as coisas possam aparecer sem esperança aos olhos humanos, Deus sempre tem um remanescente que seguirá a Sua pura vontade.  

Seguem-se, então, uma lista de seis problemas, quando o profeta profere lamentos (ais) pelo orgulhoso (2:4-5), pelo avarento, pelo ganancioso (2:6-8), pelo desonesto (2:9-11), pelo violento (2:12-14), pelo bêbado e imoral (2:15-17) e pelo idólatra (2:19-20). Cada lamento pode ser dividido em duas metades, terminando com uma significativa declaração.

Os versos 14-16 confirmam que, embora Babilônia possa parecer invencível, cheia de glórias mundanas, impondo, por um tempo, seu domínio de violência e terror, será completamente destruída na plenitude do tempo de Deus. A glória de Deus encherá a terra e Babilônia e tudo o que ela representa serão apenas uma vaga lembrança.

Logo, o Senhor voltará para julgar o mundo, e todos aqueles que a Ele se opuseram  nada terão a dizer, em vista de Seu poder (v. 20). A justiça de Deus encherá a terra e a fé do remanescente que confiou nEle será recompensada. Amém./Audrey Andersson



http://www.palavraeficaz.com/
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis