Translate

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

Ageu 1 Comentários Emmanuel S. D. Manu


Ageu 1
Emmanuel S. D. Manu

Esta mensagem de Ageu, servo do Deus Altíssimo e um dos Profetas Menores do Antigo Testamento, veio durante o segundo ano do reinado de Dario, o Grande, quando o povo tinha retornado a Judá, vindos do exílio na Babilônia. Ele deu a mensagem a Zorobabel, governador de Judá (o líder político), ao sumo sacerdote Josué (líder espiritual), e aos que restaram de Judá, que aparentemente estavam preocupados com suas necessidades pessoais em vez de com a reconstrução do Templo do Senhor . O Templo era o símbolo da presença de Deus no meio do povo, e não fazer da reconstrução deste uma prioridade era como colocar a Deus no banco de trás do carro em vez dEle ser o motorista.

Quando nossos filhos brincam com atividades do seu interesse sem controle ou atenção parental, muitas vezes o inimigo toma conta e o resultado pode facilmente ser a confusão, vazio, sofrimento e assim por diante. Quando o povo de Deus que havia retornado do cativeiro tornou-se entusiasmado com seus objetivos pessoais e particulares, o Pai amoroso enviou-lhes o Seu servo, o profeta Ageu, para adverti-los de modo que pudessem compreender. A mensagem era para lembrá-los de que, se eles não conseguissem colocar a Deus em primeiro lugar em seus planos, o fracasso e o vazio seriam o resultado: “Tendes semeado muito e recolhido pouco” (v 6, ARA). O Senhor afirma ainda: “Considerai o vosso passado. Subi ao monte, trazei madeira e edificai a casa; dela me agradarei e serei glorificado, diz o SENHOR.” (v. 7-8, ARA). Esta é a receita para a felicidade cristã hoje. “buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas” (Mateus 6:33). “Porque sem mim”, diz Cristo, “nada podeis fazer” (Jo 15:5).

Naquela ocasião as pessoas poderiam ter dado muitas razões para justificar seus projetos pessoais. Hoje, enfatizamos que a família é nossa primeira responsabilidade e com razão, mas Ageu nos encoraja a colocar o amor a Deus e o interesse nos negócios de Deus como os principais interesses da família. Se os líderes das famílias e da igreja amam a Deus e permitem que o Seu Espírito os conduza, certamente os membros da igreja responderão positivamente aos apelos espirituais. Quando estabelecemos corretamente as nossas prioridades alcançamos o que pretendemos. Sejamos como Zorobabel e Josué: prestemos atenção a essa mensagem e tragamos felicidade ao Senhor.

“Querido Senhor, ajuda-nos a definirmos corretamente nossas prioridades, a fim de que possamos buscar a Ti e ao Teu reino em primeiro lugar. Entregamos nossa vida, nossos planos pessoais e corporativos, ao controle do Espírito Santo a fim de que tudo o que viermos a fazer Te glorifique. Amém!”/Emmanuel S. D. Manu



http://www.palavraeficaz.com/
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis