Translate

segunda-feira, 22 de setembro de 2014

Obadias 1 Comentários de Herbert Edgar Douglas

Obadias 1
Herbert Edgar Douglass

Este é o menor livro de um profeta no Antigo Testamento, apenas 21 versos. Que orientações Israel recebeu deste curto livro e que tipo de ajuda ele pode ser para nós hoje?

A mensagem de Obadias foi dirigida contra Edom, a nação dos descendentes de Esaú. Os israelitas e os edomitas eram, portanto, os descendentes dos dois filhos de Isaque (ver Gên 27). Mas o incidente da luta pela primogenitura criou uma hostilidade permanente entre estes dois “irmãos de sangue” Esaú e Jacó.

A história de Edom reflete o contínuo desdobramento da lei da “iniqüidade dos pais sobre os filhos” (ver Êxodo 20: 5). Os edomitas odiavam os israelitas, muito após a morte de Esaú e esta hostilidade continuou especialmente depois que eles se recusaram a permitir que os filhos de Israel tomassem o caminho mais curto através do seu território em seu caminho para Canaã (veja Números 20: 14-21).

A descrição que Obadias fez de Edom foi: “O orgulho do seu coração te enganou” (v 3.). Eles estavam orgulhosos de sua aparentemente inexpugnável fortaleza no alto de uma montanha, onde existiam várias áreas de armazenamento subterrâneo para a captura de água da chuva. Esta antiga fortaleza era chamada de Sela, e hoje a conhecemos como Petra. As pessoas hoje podem visitar esta antiga fortaleza, alguns a cavalo, através de uma estreita passagem de aproximadamente 1,5 quilometros de comprimento, que em alguns trechos não é mais larga do que a extensão dos braços abertos. Os edomitas se sentiam muito seguros em sua fortaleza e se orgulhavam dela!

Que lições Obadias têm para nós hoje?

1 A história do caráter de Esaú e o orgulho de seus descendentes é uma lição para toda a família ou nação motivada pelo orgulho: “O orgulho vem antes da destruição; o espírito altivo, antes da queda” (Prov 16:18 NVI).

2 Nesta terra o orgulho não será glorificado para sempre. “Como tu o fizeste, assim se fará contigo” (v. 15 ARA).

3 A justiça e a bondade de Deus terão a palavra final: “Mas no monte Sião haverá livramento; o monte será santo” (v 17).

Herbert Edgar Douglass, Th.D.


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis