Translate

terça-feira, 12 de agosto de 2014

Orientações divinas do culto- Ezequiel 46


Orientações divinas do culto
Pr. Heber Toth Armí

Se a forma de adorar for mais importante que o Ser adorado, o deus deste adorador será de acordo com Seus conceitos, criado pela imaginação; então esse deus será falso. Biblicamente, se você adora ao Deus verdadeiro, tua adoração deve ser estipulada por Ele, não manipulada por você ou por qualquer outro pecador, por mais espiritual que seja.

Refletindo no capítulo de estudo de hoje, cheguei a pensar que, se nossos cultos fossem mais como Deus quer e não como gostamos ou queremos, o reavivamento já teria vindo sobre nossas congregações. Se os estilos musicais, doxologias e formas de pregar, adorar e cultuar fossem puramente extraídos da Bíblia, seríamos plenamente avivados.

Em suma, o capítulo pode oferecer os seguintes tópicos:

1. Descrição das normas divinas do culto para o príncipe – líder;
2. Descrição das orientações divinas do culto para o povo – congregação;
3. Os benefícios que o príncipe oferece a seus filhos;
4. As bênçãos dos príncipes aos seus servos.

Todo privilégio gera responsabilidades. Conhecer a Deus e Sua Palavra são grandiosos privilégios, que geram maravilhosas responsabilidades. O mesmo se pode dizer de ser líder espiritual do povo de Deus. As verdades concernentes à adoração devem ser verdadeiras e divinas, mais do que lógicas e atraentes.

Desta maneira, se Deus separou o sábado para fins puramente espirituais e cúlticos, jamais será a mesma coisa transferir para o domingo as atividades indicadas por Ele para o sábado. As horas sagradas do sábado nunca poderão ser transferidas para o domingo – se nem Deus fez isso, como pode um ser humano fazer? Nem papa, padre, pastor bispo tem esse poder.

Desde o início, o jeito errado de adorar existiu (com Caim); o povo de Israel estava no cativeiro exatamente por não adorar de forma exata ao Deus verdadeiro. Portanto, quando você for adorar hoje...

1. Considere o que diz o texto bíblico, a oferta deveria ser a melhor;
2. Considere Quem é o foco de tua adoração, se é você e tuas emoções ou o Senhor das nações;
3. Considere o teu apreço pelo Príncipe celestial, Ele é o cordeiro sem defeito, Jesus, o Messias ressurreto.
4. Considere a importância do sábado, pois Jesus é o Senhor do sábado!

São apenas algumas reflexões, aprofunde-se mais!
(adaptado)

Imagens do Google – editado por Palavra Eficaz
Curta e compartilhe:


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis