Translate

terça-feira, 5 de agosto de 2014

“O fim de Gogue e Magogue” - Ezequiel 39

“O fim de Gogue e Magogue”
Comentários  de  Jon Dybdahl

Este capítulo poderia ser chamado de “O fim de Gogue e Magogue” ou “A destruição das forças do mal”. O enorme exército que marcha contra Israel é destruído pela ação de Deus.

Poucos anos antes de Ezequiel receber esta visão, os inimigos – assírios e babilônios – chegaram à Palestina pelo Norte e Deus lhes permitiu que conquistassem Israel por causa de seu pecado. Gogue e Magogue, um inimigo maior ainda, também vem do norte. E Israel busca a Deus por salvação. Ezequiel mostra o poder das forças inimigas. Porém o exército de Deus demonstra um poder ainda maior. As armas capturadas de Gogue fornecem dois anos de lenha para o povo de Deus. Há tantos cadáveres dos soldados inimigos que são necessários sete meses para enterrá-los.

O resultado final de tudo isso retorna ao tema de Ezequiel: Israel entenderá que foi o próprio Deus que os enviou ao cativeiro e agora os levará de volta e os protegerá. Então as nações saberão que o Senhor é Deus (verso 20).

Além disso, o espírito de Deus será derramado sobre Israel (verso 29).

Não há inimigo tão grande, nenhum mal tão grande que Deus não possa derrotá-lo. Se, como Israel, você está cativo por causa de seu pecado, Deus é suficientemente grande e gracioso para salvá-lo e você vai ter a certeza de que Ele é Deus.
Jon Dybdahl
Universidade Walla Walla, EUA
http://www.palavraeficaz.com/
Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis