Translate

quarta-feira, 4 de junho de 2014

Obediência - Jeremias 34

Obediência
Pr. Heber Toth Armí

O que está acontecendo com a nossa sociedade? Por que está como está? Por que as notícias sociais a maioria é de chorar devido a tanta desgraça, desrespeito e sofrimento? Por que? Até onde vai tudo isso? Qual o limite para o roubo, o sequestro, o maltrato, o assassinato, etc.? Você precisa ler Jeremias 34. 

Veja bem que, ser piedoso não é cuidar de sua reputação, mas da dignidade alheia ao revelar amor, bondade, compaixão, respeito e fidelidade. Este capítulo revela que Deus permite Nabucodonosor levar ao exílio a Sua igreja do Antigo Testamento devido a que, após o rei Zedequias apregoar liberdade, o povo reformou a questão dos servos apenas por um momento. O povo de Deus da igreja do Novo Testamento deve aprender com o erro do povo negligente e indiferente as Suas orientações e Mandamentos. 

Nos dias atuais, muitos não cumprem o voto batismal feito diante da igreja e diante de Deus. Deus declara: “Vós não me obedecestes... farei que sejas um espetáculo horrendo para todos os reinos da terra” (v. 17). Pessoas infiéis a Deus são infiéis ao próximo. Quem despreza o próximo é porque na verdade, há muito tempo, tem desprezado a Deus. Quem explora os coitados trabalhadores dedicados estão cavando sua própria cova diante do juízo de Deus.

A obediência a Deus é tão frágil nos dias de hoje como nos dias antigos? Os superficiais relacionamentos interpessoais revelam que o relacionamento das pessoas com Deus é superficial, até entre os membros da igreja. Precisamos melhorar... 

Enquanto Jerusalém corria perigo, o povo concordou em liberar os escravos, deixando-os livres como Deus havia prescrito bem antes. Após as tropas inimigas se retirarem por algum tempo, o povo sujeitou os escravos libertos à servidão novamente (Leia mais detalhes em Jeremias 34). 

Reflita e medite: Tem gente que só obedece a Deus quando as coisas “apertam”. Depois que a dificuldade passa, voltam à desobediência. Precisamos restaurar nosso relacionamento com Deus a fim de que nosso relacionamento com o próximo seja restaurado. Precisamos nos reformar... Deus leva tão a sério os relacionamentos que mais da metade dos Dez Mandamentos tem a ver com o próximo. 

Quem oprime e desonra o próximo, desobedece e despreza a Deus. Quem não se importa com o próximo precisa aprender a importar-se com Deus. Quem ignora o próximo ficará sem a proteção divina e será desprezado pelo próximo (vs. 8-22). Precisamos melhorar o quanto antes! Amanhã pode ser tarde; portanto, não deixe para amanhã o que se pode fazer hoje!

Você é fiel? A quem? Como é a tua fidelidade? Fidelidade é um estado estável de responsabilidade entre duas pessoas, capaz de resistir a tudo, inclusive diante das necessidades, até a morte. Leia Jeremias 34 e note que, essa atitude para com o próximo não havia entre o povo de Deus no passado; será que existe entre o povo de Deus no presente? Que tipo de relacionamento existe na atualidade entre o povo de Deus? Está precisando ser reformado, modificado? Qual é o grande problema dos relacionamentos problemáticos? 

Devido ao desprezo para com o próximo, os habitantes de Judá experimentariam a “liberdade” da espada, da peste e da fome. O rei Zedequias e seus príncipes seriam arrastados para a Babilônia. Os babilônios voltariam e colocariam fogo à cidade. Que desgraça por infidelidade ao próximo! A lição? Pior que desprezar o próximo é experimentar na pele o desprezo pelo próximo. A fim de que você aprenda, Deus permite que você sofra as consequências de teus atos. Melhor aprender logo!

 “Senhor, não tenho sido amoroso, bondoso e misericordioso como deveria ser com as pessoas, aprendi que isso resulta de um relacionamento superficial ou artificial conTigo. Por isso, estou decidido a ser mais dedicado a Ti, quero reatar meu compromisso conTigo, a fim de que me tornes o que ainda não sou para os outros. Em nome de Jesus, amém”.

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis