Translate

quinta-feira, 26 de junho de 2014

Cada um colhe o que planta- Lamentações 4


Cada um colhe o que planta
Pr. Heber Toth Armí

Receber explicação do castigo auxilia a criança rebelde na aprendizagem. Pais bondosos, sábios e amorosos não disciplinam sem razão e, dão razão da disciplina. Como Deus é pai por excelência, certamente fará melhor que quaisquer pais imperfeitos. 

Veja como Deus lida com desobedientes, rebeldes e indiferentes em Lamentações 4. Leia, medite, reflita e aplique a tua alma as preciosas lições inspiradas. Para facilitar a leitura e compreensão, apresento a divisão do capítulo realizada por D. L. Moody:

1. Os horrores do cerco e o triste destino da nobreza de Sião (vs. 1-11);
2. As causas e o clímax da catástrofe de Sião (vs. 12-20);
3. Uma apóstrofe dirigida a Edom arrogante e jubilosa (vs. 21-22).

Eis um dos mais dramáticos capítulos da Bíblia, onde se fala até de mãe cozinhando seu filho para matar a fome – o problema da miséria que resultou em desgraça por abandono à graça divina por preferência ao pecado do diabo. Esse texto nos faz pensar na situação em que vivemos. 

Longe de Deus a vida é sem graça, não tem graça viver no peado – o que acarreta só desgraça. A vida perde o sentido. Parece que tudo está perdido. Mas, saiba que Deus permite que isso aconteça para que você passe a odiar o pecador a buscá-lO o tempo todo. Em Deus há salvação, certeza, proteção – e, explicação!

A Bíblia explica as coisas àquele que se aplica a sua leitura. Leia Lamentações 4 e note que o profeta Jeremias explica a condição desesperadora da nação pecadora (vs. 1-10), depois explica os detalhes concernentes às razões das desgraças horripilantes (vs. 11-20). 

Todos sofrem: Crianças, ricos, príncipes e mães pelos seus pecados, e também pelos pecados dos outros, principalmente pelos pecados dos profetas. O pecado faz com que pessoas que valem mais que ouro sejam consideradas menos importantes que o barro. 

Quando a fome invade a cidade, os valores das coisas invertem, até tendências canibalistas surgem entre pessoas de boas índoles. Pessoas que não possuem uma vivência com Deus revela sua hipocrisia diante das dificuldades. 

Era muito fácil rir, zombar e ridicularizar a Judá diante da devastação resultada do cerco de Babilônia. O alerta logo veio de Deus para Edom a fim de que não se alegrasse com a desgraça alheia; ela chegaria a qualquer momento a sua jurisprudência. Nesse tempo, o povo de Deus seria restaurado. 

Aqueles que humilham serão humilhados. Aqueles que desprezam serão desprezados, destruídos! No dia do juízo divino os maus serão punidos, e, o remanescente purificado será absolvido. De que lado você estará?

Estudando e orando sobre Lamentações 4 alcancei pela graça de Deus e iluminação do Espírito Santo, as seguintes lições de vida:

1. Cada um colhe o que planta, mais cedo ou mais tarde, tanto do povo de Deus quanto os povos de outros deuses.

2. Deus tem objetivo de restaurar Seu povo da contaminação do pecado em Sua alma e prepará-lo para o nascimento do Messias.

3. Além disso, Deus quer nos revelar por meio da descrição de Jeremias que o pecado nos leva para mais longe do que se pode imaginar – são consequências.

4. Por isso, não precisamos esperar ter a vida arruinada para abandonar o pecado e buscar a Deus; porém, se tudo já está arruinado, Deus pode consertar.

Agora, após ler o capítulo 4 de Lamentações e de refletir nesses 4 pontos acima, quero te fazer dois convites: O primeiro, entregue-se a Deus completamente; o segundo, ore a Deus imediatamente: 

“Deus do Universo e do Planeta Terra, louvado seja o Teu nome por tudo o que fazes. Hoje aprendi que explicas as razões de Tuas soberanas decisões até a pessoas ingratas, rebeldes e indiferentes. És, certamente, um Deus diferente de todos os deuses existentes. Por isso, não terei outros deuses diante de Ti. Não farei imagens de esculturas e nem as adorarei. Não tomarei Teu santo nome em vão e guardarei o Teu santo sábado em comunhão e relacionamento íntimo conTigo. Ajuda-me a cumprir o que prometi, pois nem disso sou capaz. Em nome de Jesus, amém”.
(adaptado)

Imagens do Google – editado por Palavra Eficaz
Curta e compartilhe:


Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis