Translate

quarta-feira, 5 de junho de 2013

O Espirito de tudo MD- Galatas 2:20

Meditação Diária-
Caminhando com Jesus Cristo


Viver “para o Senhor” significa tê-Lo como o sentido da própria existência, se alimentando da vida que vem do Seu Espírito. Acontece conosco uma virada na escala de valores: não mais “eu”, mas “Deus”: “Não sou eu que vivo, mas Cristo que vive em mim”(Gl 2,20). É um exercício constante de descentralizarmos de nós mesmos, para centralizarmos em Jesus.

O Espírito de Tudo Isso
George R.Knight

“Estou crucificado com Cristo; logo, já não sou eu quem vive, mas Cristo vive em mim; e esse viver que, agora, tenho na carne, vive pela fé no Filho de Deus, que me amou e a si mesmo se entregou por mim." Gálatas 2:19-20

Nos últimos poucos dias temos estudado sobre o problema da retaliação, do desejo humano de ferir aqueles que nos ofendem. Afinal achamos que eles merecem!

E provavelmente merecem mesmo, na maioria dos casos. Mas pense por um momento. O que seria de nós se Deus nos desse o que merecemos por termos ferido a Ele e a outros dentre seus filhos? Mas reconheçamos que, se Deus nos desse o que merecemos por termos ferido a Ele e a outros dentre Seus filhos? Mas reconheçamos que, se Deus nos desse o que merecemos seríamos simplesmente umas manchas de graxa poluindo a paisagem.

Deus não nos dá o que merecemos. Ele dá o que precisamos.

E o que é que precisamos? Compreensão, perdão, amor... Isso é exatamente o que outras pessoas que nos prejudicam precisam também. O cristão deve agir com elas como Deus – Deve dar às pessoas o que elas precisam e não o que merecem.

Mas você deve estar pensando que isso não é normal. Correto! Deus quer que vivamos uma vida anormal em termos de padrões deste mundo. Ele deseja que procedamos como Ele e não como o diabo.

Agora, isso sim é radicalismo. Sem dúvida! É o mais radical que alguém pode ser. Significa crucificar os velhos hábitos de defesa pessoal, orgulho e desforra e nascer de novo à semelhança de Jesus, Aquele que tanto amou o mundo que morreu por ele – por mim e por você, uma vez por todas.

Religião é algo sério. Não é um jogo entre pessoas que são muito velhas para pecar ativamente. Pelo contrário o cristianismo representa uma mudança no coração, não na biologia. Significa deixar Jesus viver sua vida em nós.

O chamado não é para argumentar se devemos realmente oferecer a outra face ou andar uma segunda milha, mas para demonstrarmos sempre uma atitude serviçal e humilde.

Isso exige a graça divina – a graça que transforma e habilita.

Outras publicações: http://www.cpb.com.br/

Seja um agente abençoador compartilhando esta mensagem com os amigos.

Comentários
0 Comentários

Nenhum comentário:

Receba em seu e-mail nossas mensagens

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

AddThis